Ciência da Computação

Sobre o Curso

Coordenação: Márcia Tonieto

E-mail: marciatonieto@flf.edu.br

O Bacharel em Ciência da Computação egresso da Faculdade Lourenço Filho terá habilidade suficiente para atuar como empreendedor de informática, podendo exercer atividades em empresas usuárias, prestadoras de serviços ou órgãos governamentais nas funções de:
– Administrador de Banco de Dados
– Administrador de Tecnologia da Informação
– Administrador de Redes de Computadores
– Analista de Sistemas
– Consultor/Auditor em Desenvolvimento de Sistemas de Informação
– Empreendedor da informática
– Gerente de Desenvolvimento de Sistemas de Informação
– Gerente de projetos de Sistemas de Informação
– Programador de Sistemas
– Projetista de Sistemas para a Internet

Também poderá ingressar em cursos de pós-graduação e lecionar em Curso de Computação de nível de graduação.

O que é Computação?

Segundo a SBC (Sociedade Brasileira de Computação), entende-se por Computação ou Informática“o corpo de conhecimentos sobre computadores, sistemas de computação e suas aplicações, englobando aspectos teóricos, experimentais, de modelagem e de projeto”.

O que é um Bacharelado em Ciência da Computação?

É um curso da área de informática que apresenta a computação como atividade-fim, isto é, aquele que reúne o estudo de conceitos e teorias que fundamentam e viabilizam o desenvolvimento de tecnologias computacionais. Para tanto, este curso possui como principais bases as Linguagens de Programação, os Circuitos Digitais e a Matemática, esta última como uma ferramenta a ser usada na definição formal de conceitos computacionais. Segundo as diretrizes curriculares do MEC (Ministério da Educação), os cursos que têm a Computação como atividade-fim são os bacharelados em Ciência da Computação e em Engenharia da Computação.

Que características pessoais são desenvolvidas em um Bacharelado em Computação?

As características são várias, e podem ser divididas em três componentes: aspectos gerais, aspectos técnicos e aspectos ético-sociais.

Aspectos Gerais

Capacidade para aplicar seus conhecimentos de forma inovadora e independente, contribuindo na busca de soluções nas diferentes áreas aplicadas;
Formação em negócios, permitindo uma visão da dinâmica das empresas;
Preocupação constante com a atualização tecnológica;
Domínio da língua inglesa para leitura técnica na área;
Conhecimento básico das legislações trabalhista e de propriedade intelectual;

Aspectos Técnicos

Processo de projeto para construção de soluções de problemas com base científica;
Modelagem e especificação de soluções computacionais para diversos tipos de problemas;
Projeto e implementação de sistemas de computação;
Critérios para seleção de software e hardware adequados às necessidades empresariais, industriais, administrativas de ensino e de pesquisa.

Aspectos Ético-Sociais

Respeitar os princípios éticos da área de computação;
Implementar sistemas que visem melhorar as condições de trabalho dos usuários, sem causar danos ao meio-ambiente;
Facilitar o acesso e a disseminação do conhecimento na área de Computação;
Ter uma visão humanística crítica e consistente sobre o impacto de sua atuação profissional na sociedade.

Onde o profissional pode atuar?

Em empresas usuárias de informática, prestadoras de serviços, universidades, grupos bancários, financeiros e industriais, departamentos do poder público nas esferas federal, estadual e municipal e em instituições de pesquisa. O profissional pode, também, tornar-se um empreendedor, atuando no mercado empresarial, prestando consultorias, desenvolvendo ou comercializando produtos gerados, como sistemas computacionais diversos e artigos de consumo do setor.

Como está o mercado de trabalho?

Está, e continuará por muito tempo, bastante promissor. Existem vagas nas empresas, principalmente naquelas especializadas na prestação de serviços de informática, que requer alocação de mão de obra especializada. A quantidade de profissionais qualificados em relação à demanda pelas empresas ainda é insuficiente, gerando um déficit de mão de obra no setor. No Ceará, os novos projetos governamentais estruturantes – de forma particular, o Cinturão Digital, que fornecerá acesso à internet banda larga para praticamente todo o Estado -,o mercado OFFSHORE de desenvolvimento de software, entre outros, abrem novas oportunidades para profissionais da área de Computação. Em Fortaleza, já funciona uma empresa com o objetivo de obter contratos com grandes corporações financeiras da Europa e dos EUA para o desenvolvimento de tecnologias de informação e comunicação, o que torna a cidade um importante centro de referência para atração de investimentos no setor de informática.

Como o profissional pode atuar? Quais profissões ele pode exercer?

O bacharel em Ciência da Computação, estando apto a desenvolver e utilizar sistemas computacionais, tem suas atividades divididas em dois grupos:

Inovação, planejamento e gerenciamento da informação;
Desenvolvimento e evolução de sistemas computacionais.

Com relação às profissões, elas são inúmeras. Podem ser citadas (ordem alfabética) entre outras:

  • Administrador de Banco de Dados
  • Administrador de Redes
  • Analista de Negócios
  • Analista de Sistemas
  • Arquiteto de Software
  • Consultor
  • Empresário
  • Gerente de Infraestrutura
  • Gerente de Operações
  • Gerente de Suporte
  • Gestor de TI (Diretor, Gerente de Projetos)
  • Pesquisador Científico
  • Programador
  • Designer de Software
  • Testador de Software

Qual a duração do curso?

A estrutura curricular é composta de 8(oito) semestres.

Como são as aulas?

As aulas têm uma característica principal: aprender a estudar. De uma forma geral, o professor não é o instrumento fonte da informação, mas um guia de como o aluno pode encontrá-la. É necessário encarar a aula como uma parte do processo. A parte mais importante é a do aluno, que deve, mais do que nunca em sua vida acadêmica, estudar fora da sala de aula. Aquele aluno que deixa para depois e, entre uma aula e a outra, não revê e complementa o assunto abordado, tem poucas chances de sucesso. É necessário que se reserve tempo para estudar. Lembre-se de que um curso superior é um investimento feito em si mesmo, por isto é necessário encará-lo com determinação.

Quais os perfis profissionais dos professores do curso?

O corpo docente é composto por profissionais com formações acadêmicas de mestrado ou doutorado. Vários destes professores, inclusive, são também profissionais atuantes em empresas (privadas ou públicas). Assim, forma-se uma equipe de profissionais que está próxima da realidade de mercado, com formação acadêmica e com conhecimentos atualizados e de ponta nas diversas áreas do curso.

Quais os diferenciais do curso de Ciência da Computação da Faculdade Lourenço Filho?

  • O curso é um dos mais tradicionais do Estado – autorizado pelo MEC em 1998 e reconhecido em 2002 – e atende amplamente às diretrizes do MEC e da SBC;
  • Corpo docente formado por mestres e doutores com ótimo nível de experiência em empresas;
  • Boa infraestrutura, incluindo Salas de Aula, Laboratórios de Informática, Biblioteca e Áreas de Convivência;
  • Campus Digital (todas as áreas atendidas por internet banda larga);
  • Grade curricular atualizada;
  • Biblioteca com ótimo acervo e frequente atualização;
  • Cursos de Extensão com ênfase em Gestão de TI e em Desenvolvimento de Software;
  • Projetos de Extensão como a Fábrica de Software e o Laboratório de Visão Embarcada (LEVE);
  • Núcleo de Desenvolvimento Profissional;
  • Muito bem reconhecido pelo mercado de trabalho.